terça-feira, outubro 31

Mudanças...

Eu não sabia que mudança dava tanto trabalho. Desmonta daqui, bagunça dali, acha lembranças perdidas aqui... E uma pontinha de tristeza me invade nos últimos instantes na casa que moro há 14 anos. O "bichinho do mato" - como meu avô me chamava - perdido no parque aqui do lado. Aprendendo a andar de bicicleta (e a louca da minha irmã correndo atrás de mim com uma vara na mão!). Risadas, choradeiras, risadas, aniversários, amigos de infância, MOMENTOS. Mas eu penso que sentirei mais falta do meu quarto. O meu refúgio. Onde passei a maior parte do meu tempo entre choradeiras por supostas paixões, angústias, tristezas, FANTASIAS... Mas chega de lamentações. Uma casa nova me espera. E tantos outros momentos mágicos que virão. E sabe de uma coisa? Uma juriti está chocando em frente a minha janela pela segunda vez em três meses. E quando o filhote bater asas para outro lugar estarei fazendo o mesmo!

Estarei ausente por uns tempinhos. Trocando de pele!

3 comentários:

Aline disse...

Não demore muito a trocar de pele, certo? Sobre mudanças, a mais significativa, eu diria, aconteceu em 2000, quando "deixei" minha casa e minha família no interior de Sergipe para trabalhar e estudar aqui. Também senti muita falta do meu quarto. Nos últimos seis anos, mudei de casa cinco vezes. É um horror!!!! Minha última mudança aconteceu há seis meses. Ainda tenho coisas encaixotadas :P Aff!!! beijão,

Mgylin disse...

Que o novo lar proporcione muitos outros momentos, e fantasias, =) e muito mais...
E sabe que sentir saudade não é tãaao ruim?!
Bye

Anônimo disse...

you are so awesome.